Deputada acusada de mandar matar o marido perde mandato parlamentar

Por Tayla Vieira

Do G7 Informe – 12/08/2021 | 5h54

A Deputada Federal Flordelis, do Rio de Janeiro, acusada de mandar matar o marido em junho de 2019,
o Pastor Anderson do Carmo, perdeu seu mandato e imunidade parlamentar nesta quarta-feira.
Por 437 votos a 7, ela foi cassada pelo Plenário da Câmara, depois de já ter votação contrária sua manutenção na Casa no Conselho de Ética.

Flordelis diz que é vítima de uma injustiça e que o caso não foi julgado.
Mas para o Ministério Público, ela foi a autora do crime.

A agora ex-parlamentar, mandou assassinar o marido por motivo torpe, meio cruel, que dificultou a defesa da vítima.
O caso segue ainda sem data de julgamento, mas deve ganhar celeridade agora que ela perdeu o mandato de vez.

Edição – Guilherme Kalel