Áudio de Whatsapp denuncia falta de cobertores em PS Municipal, Prefeitura nega

Publicado em: 26/05/2021 | 18h58

Eduarda Sampaio, Do G7 Informe

A Prefeitura Municipal de Franca comunicou por meio de nota nesta quarta-feira, 26,
que é falso um áudio de Whatsapp que tem pouco mais de 2 minutos e que tem circulado nas últimas horas.
No áudio, uma mulher que não se identifica revela que no Pronto Socorro Municipal, estaria ocorrendo falta de cobertores e lençóis para atender a pacientes.
A mulher ainda diz que uma pessoa teria morrido de parada cardíaca, por ter passado muito frio na unidade, e que pacientes estariam no chão.

A Prefeitura diz na nota, compartilhada com a imprensa no final da tarde de hoje que a situação é inverídica.
O Pronto Socorro Municipal teve que repensar sua forma de atendimento e passar a receber pacientes, que aguardam leitos para transferências em hospitais.
Neste período, todos estão sendo assistidos, medicados e cuidados.
Não há nem um paciente que tenha passado frio por falta de cobertores, e ninguém faleceu no PS com parada cardíaca por ter passado frio.
A nota ainda destaca que os pacientes estão sendo mantidos em leitos, e não no chão da unidade como diz o áudio.

A Reportagem do G7 Informe tem acompanhado o drama do Pronto Socorro Municipal desde o fim de semana.
São uma média de 60 pessoas por dia que esperam por leitos em hospitais, em enfermaria ou UTI.
Muitas dessas pessoas são entubadas e continuam no PS, a espera de uma vaga.
Algumas até falecem enquanto essa vaga não vem.

Pessoas que conseguem respirar com oxigênio mas não estão em entubação, são atendidas em cadeiras no Pronto Socorro.
Mas de fato não há pacientes no chão, nem nos corredores da unidade de atendimento.